Petrobras inicia produção na plataforma P-75

12 novembro 2018
(Foto: Petrobras)
(Foto: Petrobras)

A unidade flutuante de produção, armazenamento e descarregamento (FPSO) P-75 começou a produzir petróleo e gás natural na área de Búzios 2 do pré-sal da Bacia de Santos, informou a estatal Petroleo Brasileiro SA (Petrobras).

Com capacidade diária para processar até 150 mil barris de óleo e comprimir até 6 milhões de metros cúbicos de gás natural, a P-75 produzirá 10 poços produtores, também utilizando sete poços injetores, informou a Petrobras. As embarcações de socorro serão usadas para descarregar a produção de petróleo, enquanto o gás será drenado pelas rotas dos gasodutos do pré-sal.

O FPSO está localizado a aproximadamente 210 quilômetros da costa do Rio de Janeiro, a 2.000 metros de lâmina d'água. É a segunda das quatro unidades a serem instaladas no campo de Búzios.

Búzios, descoberto em 2010, é o principal campo de um acordo de transferência de direitos que dá à Petrobras o direito exclusivo de explorar e produzir até cinco bilhões de barris de óleo equivalente na Bacia de Santos.

A P-75 é a quarta das seis plataformas programadas para iniciar a produção no Brasil em 2018. Após a P-74, que iniciou a produção no campo de Búzios em abril, o FPSO Cidade Campos dos Goytacazes alcançou a primeira produção de petróleo da Tartaruga. Verde em junho, e a P-69 iniciou a produção em outubro como a oitava unidade instalada no campo de Lula.

Também estão previstos para entrar em operação este ano as plataformas P-67, que já estão localizadas no campo de Lula, e a P-76, que deve chegar ao campo de Búzios em dezembro.

Categorias: Águas profundas, Embarcações