Sinopec vai impulsionar o fornecimento de gás

12 novembro 2018
(Foto: Sinopec)
(Foto: Sinopec)

A petrolífera estatal chinesa Sinopec anunciou na segunda-feira que fornecerá 18,17 bilhões de metros cúbicos de gás natural durante a estação de aquecimento, que aumentará 17,7% em relação ao ano passado, para atender à crescente demanda do consumidor de gás que mais cresce no mundo. .

O suprimento de gás natural da empresa para sete províncias e cidades do norte aumentará em 29,1% durante a temporada, informou a entidade em um comunicado.

Os comentários chegam enquanto a China se prepara para ligar os sistemas residenciais de aquecimento em todo o norte do país em 15 de novembro, com milhões de famílias a mais confiando no gás ao invés do carvão.

Uma campanha de gaseificação do governo no ano passado levou a uma escassez de suprimentos, levando os preços a níveis recordes e deixando alguns moradores sem aquecimento.

A demanda por gás natural aumentará acentuadamente novamente neste inverno e na próxima primavera, disse a Sinopec, acrescentando que o clima extremo no inverno aumentará a dificuldade de fornecimento.

A companhia informou que aumentou suas compras spot de gás natural liquefeito (GNL) e que cada um dos seus três terminais de GNL deverá operar a plena capacidade, com as capacidades de recebimento já totalmente reservadas para dezembro e janeiro.

Também encheu dois de seus locais de armazenamento de gás e está acelerando a construção de uma instalação adicional que permite atender a demanda emergencial durante a estação de aquecimento.

Espera-se que tenha mais de 4 bcm de capacidade de armazenamento quando concluído.

Também está acelerando a construção e operação de novos oleodutos nas províncias do norte.

O grupo Sinopec disse que quer mais do que dobrar sua capacidade de receber GNL nos próximos seis anos e elevar a produção doméstica de gás de xisto em dois terços até 2020 em uma tentativa de fazer com que o combustível limpo responda por metade de seu fornecimento até 2023.


(Reportagem de Beijing Monitoring Desk e Dominique Patton; Edição de Tom Hogue e Rashmi Aich)

Categorias: GNL