Tentativa de roubo de óleo leva a derramar

10 dezembro 2018
© sakhorn38 / Adobe Stock
© sakhorn38 / Adobe Stock

Pelo menos 60.000 litros (377 barris) de óleo foram derramados na Baía de Guanabara, no Rio de Janeiro, e um rio próximo no fim de semana após uma tentativa de roubo em um oleoduto, disse a unidade da Transpetro, destacando os perigos do comércio de petróleo roubado no Brasil.

"Foi um vazamento de proporções significativas, com impacto nos manguezais", disse Maurício Muniz, analista do Instituto Chico Mendes, associado ao Ministério do Meio Ambiente do Brasil.

A Transpetro disse em um comunicado que o óleo vazou para o rio Estrela, que alimenta a Baía de Guanabara. A empresa alertou as autoridades e ativou suas equipes de limpeza de emergência imediatamente, e na manhã de segunda-feira, quase 75% do petróleo havia sido limpo, disse a empresa.

A Transpetro e a Petrobras, como é conhecida a Petroleo Brasileiro, tornaram-se alvos freqüentes de roubo nos últimos anos, quando gangues roubam milhões de dólares por ano de petróleo e derivados e revendem no mercado negro.

A confusão é parte de uma onda maior de criminalidade no Brasil, provocada pela pior recessão do país.

Em comunicado, a Transpetro disse que o óleo visível de um viaduto de helicóptero se limitava aos bancos e à foz do rio Estrela.


(Reportagem de Rodrigo Viga Gaier; Escrita por Gram Slattery; Edição de Mark Potter e Jeffrey Benkoe)

Categorias: Legal